Este foi outro livro que definitivamente me surpreendeu pela positiva e, tal como aconteceu para Seraglio veio inteiramente a custo zero numa oferta da Promoção 2=3 da editora Saída de Emergência. Este livro encontra-se actualmente com 40% de desconto!


Sinopse
"
A história bíblica da Raínha Ester — cuja beleza apenas era igualada pela sua sabedoria — inspirou as mulheres ao longo de séculos. Capturando as paixões e o perigo da política que tornaram o legado de Ester tão intemporal, O Salão Dourado revela uma pesquisa meticulosa e leva-nos às profundesas do império persa. Órfã e aterrorizada, Ester começa uma nova vida com o seu primo, um homem bem posicionado na corte, a quem está prometida. Mas é na luxúria do harém real que se transforma em mulher. Ester conquista o que procura: o coração do Rei Xerxes e a libertação do seu povo. Mas a sua ascenção ao trono tem um preço: terá que voltar as costas a tudo o que alguma vez desejou, e entregar o corpo a um homem que nunca amará. O Salão Dourado ilumina de forma assombrosa um dilema épico entre os desejos do coração de uma mulher e as obrigações impostas pelo seu destino. No caso de Ester, a escolha faz história... e uma leitura inesquecível."


Ficha Técnica
Autor: Rebecca Kohn
Editora: Saída de Emergência
Encadernação: Capa Mole
Nº. de páginas: 280
Género: Romance Histórico


Opinião
Li-o praticamente "num sopro". A Leitura é bastante agradável e fluída e a personagem principal, Ester, é muito bem explorada, sendo dado a conhecer ao leitor, todas as suas batalhas interiores sobre o comportamento que deveria ter enquanto judia (facto ocultado) e o que tinha.


Outro dos grandes conflitos interiores desta mulher era o seu amor imaculado pelo primo, que deveria se ter tornado seu marido não fosse o precipitar de vários acontecimentos e o ter estado no local errado à hora errada, e o desejo carnal que sente pelo rei Xerxes.


Este livro demonstra também muito bem as dinâmicas complexas da vivência numa corte, quer a nível do poder disputado pelos homens, quer a nível da vontade das mulheres de ascenderem à posição de favoritas junto do rei.


A história é a de uma personagem feminina muito forte, não tanto pela sua personalidade mas mais pela sua astúcia e inteligência, que consegue alterar o rumo da história, mesmo sendo mulher, o que é seria quase sinónimo de peça de exposição e objecto de prazer no império Persa.


Hiperligações para esta mensagem